Notícias
 
Ex-metalúrgico afirma que foi agredido na Volks
Ditadura Militar
26/03/2019




 "Fui preso e torturado dentro da empresa". É assim que Lúcio Bellentani, ex-metalúrgico da empresa alemã Volkswagen, resume o dia 29 de junho de 1972. Ele afirma, em entrevista a Opera Mundi, que foi preso e agredido em uma sala no Departamento Pessoal da VW e só tomou conhecimento da acusação depois de um ano detido. Bellentani era membro do Partido Comunista Brasileiro e ativista sindical quando foi preso e torturado.

“Estava na minha bancada de trabalho quando fui surpreendido com um cano de metralhadora nas costas, me pegaram, me algemaram e me conduziram para o departamento pessoal, e lá eu comecei a ser espancado e torturado, dentro da empresa. Depois fui para o DOPS [Departamento de Ordem Política e Social], onde permaneci por 8 ou 9 meses, sem registro, sem coisa nenhuma”, conta.

"Depois de um ano preso, quando foi o julgamento, fui absolvido por falta de provas. Posteriormente, fui condenado em Brasília a dois anos de prisão e acabei cumprindo um ano e oito meses, sob a acusação de ativismo sindical e organização de uma célula do Partido Comunista dentro da empresa ”, diz.

O antigo funcionário da montadora alemã também fala sobre Franz Paul Stangl, ex-oficial nazista que trabalhou no sistema de repressão da Volks. “Os documentos que levantamos sobre ele dizia que ele era um eletricista de manutenção. Mas a gente tem claro que ele foi um dos organizadores do sistema repressivo e da segurança da fábrica”, diz Bellentani.

“Ele apareceu na fábrica por volta de 1966, depois de ter trabalhado na secretaria de segurança do Rio de Janeiro. Ingressou na Volks e passou a ser o comandante de toda a segurança da fábrica, quer dizer, existia uma ligação muito íntima do Exército brasileiro com as forças nazistas”, conclui.

 
Veja também
 
 
Ramais - SEDE STIMEPA
  • Telefone Principal: (51) 3371-9000
  • Saúde/Clínico Geral - Ramal 9024
  • Saúde do Trabalhador - Ramal 9025
  • Cobrança - Ramal 9023 e 9028
  • Jurídico - Ramal 9029
  • Homologação - Ramal 9046
  • Secretaria Geral - Ramal 9026
  • Administrativo/Financeiro - Ramal 9018
 
Redes Sociais
 
 
Folha Metalúrgica
 
Assista
 
Escute
Escolha o áudio abaixo...

 
Boletim Eletrônico
Receba em seu e-mail o boletim eletrônico e informes do Sindicato

Não quero mais participar
 
Veja Também
 
 
O Sindicato
  Institucional
  História
  Diretoria
  Base do Sindicato
  Subsedes
  Aposentados
  Colônia de Férias
  Lazer
Serviços
  Benefícios para Associado
  Tesouraria
  Jurídico
  Homologação
  Médico
Convenções
  Metalurgia
  Reparação de Veículos
  Máquinas Agrícolas
Galerias
  Fotos
  Vídeos
  Escute
  Notícias
  Opinião do Sindicato
  Folha Metalúrgica
  Publicações
CNM  FTM RS  CUT
 
Stimepa - Sindicato dos Metalurgicos de Porto Alegre
Av. Francisco Trein, 116 - Cristo Redentor - CEP 91350-200
Telefone: (51) 3371.9000 - Porto Alegre - RS
 
Omega Tecnologia