Notícias
 
Metalúrgicos alemães apresentam sistema de cogestão para trabalhadores brasileiros
Tema foi abordado na manhã desta quinta (23) no segundo dia da 4ª Conferência Expressões da Globalização, em Frankfurt, que também discutiu o futuro da indústria e das relações entre capital e trabalho.
23/06/2016


CNM/CUT
A partir da esquerda, Behrens, Guggemos e Sanches


 Frankfurt - As relações industriais na Alemanha e os elementos para garantir o futuro da indústria alemã foram tema do segundo dia da 4ª Conferência Expressões da Globalização nesta quinta-feira (23), em Frankfurt. A atividade, iniciada ontem, reúne 80 metalúrgicos brasileiros e alemães e prossegue até amanhã (24).

Para falar sobre os dois temas, estiveram presentes os representantes da Fundação Hans Böckler (FHB), Michael Guggemos e Martin Behrens. A mesa foi coordenada pelo secretário de Relações Internacionais da Confederação Nacional dos Metalúrgicos da CUT (CNM/CUT), Valter Sanches, que também integra o Conselho de Administração da Daimler.

O diretor da FHB explicou as principais leis que regulam as relações de trabalho em seu país. A principal delas é a Lei de Cogestão, que prevê a participação dos trabalhadores em conselhos administrativos nas empresas. “A cogestão é uma importante ferramenta em defesa dos interesses dos trabalhadores. Sabemos que é difícil, mas gostaríamos que este sistema fosse para além da Alemanha porque a relação capital-trabalho é globalizada”, contou. “Os Acordos Marcos Globais, que estabelece condições mínimas de trabalho em multinacionais, é um dos caminhos para unificar os direitos de trabalhadores na mesma empresa”, completou.

Ele também explicou que a participação destes representantes nos conselhos administrativos das multinacionais é remunerada anualmente, mas todos eles repassam esse valor para a FHB. “É com esta doação que a Fundação promove formação sindical e atividades de interesse dos trabalhadores, como esta Conferência Expressões da Globalização. Um desses representantes, inclusive, é o secretário de Relações Internacionais da CNM/CUT, Valter Sanches, é o único trabalhador não alemão que faz parte do Conselho Administrativo da Daimler, na Alemanha”, lembrou.


Conferência reúne trabalhadores do Brasil e da Alemanha, em Frankfurt

Já Guggemos destacou a indústria 4.0 também conhecida como a quarta revolução industrial, que cria cadeias de produção de forma autônoma. “Esta revolução teve início em 2012 e deverá reduzir 50% dos empregos, além de precarizar das condições de trabalho. Este processo está sendo liderado pelas empresas e as decisões delas são prejudiciais para a organização dos trabalhadores”, afirmou.

Ainda de acordo com ele, o futuro do emprego é preocupante se os trabalhadores não participarem das decisões sobre este novo modelo de trabalho. “Precisamos ter um olhar social para todas as possibilidades destas novas tecnologias, além de lutar por condições dignas de trabalho. As indústrias vão querer manter os funcionários em um sistema flexível de trabalho, sem representação no conselho de empresa, sem salário fixo, plano de saúde e sem seguro desemprego”, alertou.

A Conferência
O programa de Conferências entra metalúrgicos brasileiros e alemães é uma realização da Fundação Hans Böckler e da CNM/CUT, em parceria com o Instituto Integrar e o IG Metall (Sindicato Nacional dos Metalúrgicos na Alemanha). A 1ª Conferência ocorreu em 2009, no Brasil. Em 2012, foi a vez dos brasileiros irem à Alemanha. Já 3º Conferência aconteceu novamente no Brasil, em novembro de 2014.

Sobre a 4ª Conferência e intercâmbio, leia também:
Metalúrgicos da CUT participam de intercâmbio sindical na Alemanha
Metalúrgicos da CUT conhecem modelo de representação sindical em empresa da Alemanha
Metalúrgicos na Alemanha e Brasil apresentam desafios sociais e na indústria de seus países
Alemanha: professor da Unicamp diz que golpe no Brasil é contra projeto que garante direitos

(Fonte: Shayane Servilha - Assessoria de Imprensa da CNM/CUT)

 
Veja também
 
 
Ramais - SEDE STIMEPA
  • Telefone Principal: (51) 3371-9000
  • Saúde/Clínico Geral - Ramal 9024
  • Saúde do Trabalhador - Ramal 9025
  • Cobrança - Ramal 9023 e 9028
  • Jurídico - Ramal 9029
  • Homologação - Ramal 9046
  • Secretaria Geral - Ramal 9026
  • Administrativo/Financeiro - Ramal 9018
 
Redes Sociais
 
 
Folha Metalúrgica
 
Assista
 
Escute
Escolha o áudio abaixo...

 
Boletim Eletrônico
Receba em seu e-mail o boletim eletrônico e informes do Sindicato

Não quero mais participar
 
Veja Também
 
 
O Sindicato
  Institucional
  História
  Diretoria
  Base do Sindicato
  Subsedes
  Aposentados
  Lazer
Serviços
  Benefícios para Associado
  Tesouraria
  Jurídico
  Homologação
  Médico
Convenções
  Metalurgia
  Reparação de Veículos
  Máquinas Agrícolas
Galerias
  Fotos
  Vídeos
  Escute
  Notícias
  Opinião do Sindicato
  Folha Metalúrgica
  Publicações
CNM  FTM RS  CUT
 
Stimepa - Sindicato dos Metalurgicos de Porto Alegre
Av. Francisco Trein, 116 - Cristo Redentor - CEP 91350-200
Telefone: (51) 3371.9000 - Porto Alegre - RS
 
Omega Tecnologia