Notícias
 
Canoas: Metalúrgicos garantem na Justiça direito de greve e manifestação
Sindicato derruba interdito proibitório e garante liberdade de organização sindical
31/07/2014


O Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Canoas e Nova Santa Rita (Stimmmec), através de liminar concedida em Mandado de Segurança, assegurou o direito de realizar assembleia com os trabalhadores em frente à sede da empresa Harman do Brasil. A ação contou com a assessoria jurídica sindical do escritório Woida, Magnago, Skrebsky, Colla & Advogados Associados, que também presta assessoria para o nosso sindicato.

O Mandado de Segurança cassa a liminar que a empresa havia conquistado na 1ª Vara do Trabalho de Canoas, em Interdito Proibitório, que proibia o acesso do Sindicato e qualquer pessoa de ingressar ou permanecer na sede sem a sua autorização, de forma a coibir as manifestações legítimas dos trabalhadores realizadas dentro dos limites legais. Tal decisão violava frontalmente os direitos de manifestação e de reunião dos trabalhadores.

O Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região, através de liminar em MS, suspendeu o Interdito Proibitório concedido à empresa até o julgamento definitivo do Mandado de Segurança, considerando ação da Harman um instrumento para prática de conduta anti-sindical.

Entenda o caso

A Harman do Brasil, com sede em Nova Santa Rita, havia ingressado com Interdito Proibiório, após o Sindicato ter realizado assembleia com os trabalhadores em frente à sede da empresa, para discussão acerca do andamento da negociação coletiva, cuja data base foi 1º de maio, e eventual ajuste de Acordo Coletivo de Trabalho com a Empresa.

De acordo com a advogada Lídia Woida, as reuniões são necessárias porque a negociação coletiva da categoria dos metalúrgicos de Canoas e Nova Santa Rita vem se arrastando desde maio, por intransigência do Sindicato Patronal. “A proposta de reajuste salarial da entidade patronal é de 5,8%, ao passo que o sindicato vem realizando Acordos Coletivos com as empresas e conseguindo reajuste de8%, que compreende a reposição da inflação acumulada no período e ganho real aos trabalhadores”, explica.

A liminar concedida pelo Tribunal do Trabalho considerou que, na manifestação realizada pelo sindicato com a participação dos trabalhadores, não houve abuso que pudesse intimidar a empresa, seus funcionários, fornecedores, clientes e visitantes. As manifestações foram pacíficas, ordeiras e legítimas, sendo que os registros fotográficos produzidos pela própria empresa demonstram a inexistência de correntes ou cadeados trancando os portões ou impedindo o acesso às dependências da empresa. Não foi verificado qualquer tumulto, desrespeito ou invasão da propriedade da autora. Tampouco, sua posse foi ameaçada.

Assim, a intenção da empresa de impedir o movimento reivindicatório dos empregados fere os direitos dos trabalhadores, por inibir o direito de reunião, reivindicação e greve, legitimando virtual conduta anti-sindical do empregador. Com a decisão, o Sindicato garante, assim, o direito de exercer livremente, nos limites da lei, o seu direito de greve e de manifestação.

 

 
Veja também
 
 
Ramais - SEDE STIMEPA
  • Telefone Principal: (51) 3371-9000
  • Saúde do Trabalhador - Ramal 9025
  • Cobrança - Ramal 9023 e 9028
  • Jurídico - Ramal 9029
  • Homologação - Ramal 9046
  • Secretaria Geral - Ramal 9026
  • Administrativo/Financeiro - Ramal 9018
 
Redes Sociais
 
 
Folha Metalúrgica
 
Assista
 
Escute
Escolha o áudio abaixo...

 
Boletim Eletrônico
Receba em seu e-mail o boletim eletrônico e informes do Sindicato

Não quero mais participar
 
Veja Também
 
 
O Sindicato
  Institucional
  História
  Diretoria
  Base do Sindicato
  Subsedes
  Aposentados
  Colônia de Férias
  Lazer
Serviços
  Benefícios para Associado
  Tesouraria
  Jurídico
  Homologação
  Médico
Convenções
  Metalurgia
  Reparação de Veículos
  Máquinas Agrícolas
Galerias
  Fotos
  Vídeos
  Escute
  Notícias
  Opinião do Sindicato
  Folha Metalúrgica
  Publicações
CNM  FTM RS  CUT
 
Stimepa - Sindicato dos Metalurgicos de Porto Alegre
Av. Francisco Trein, 116 - Cristo Redentor - CEP 91350-200
Telefone: (51) 3371.9000 - Porto Alegre - RS
 
Omega Tecnologia