Notícias
 
Metalúrgicos começam organizar Rede Sindical Nacional na Usiminas
A reunião foi feita na sede da Confederação Nacional dos Metalúrgicos da CUT (CNM/CUT), em São Bernardo do Campo (SP)
25/07/2014


CNM/CUT
João Massena, diretor sindical da Usiminas Porto Alegre (3º à esquerda.) Também participa da organização da nova rede


 Mais uma rede sindical de metalúrgicos começa a ser articulada: a dos trabalhadores na Usiminas. Para isso, foi realizado nesta terça-feira (22) encontro de representantes de quatro bases sindicais onde há plantas da empresa siderúrgica: Ipatinga e Belo Horizonte (MG), Taubaté (SP) e Porto Alegre (RS).

A reunião foi feita na sede da Confederação Nacional dos Metalúrgicos da CUT (CNM/CUT), em São Bernardo do Campo (SP) e o objetivo foi o de trocar experiências sobre a realidade vivida pelos metalúrgicos nas plantas da empresa e começar a construir a Rede Nacional de Trabalhadores na Usiminas.

O encontro foi acompanhado pelo secretário de Organização da CNM/CUT, Ubirajara de Freitas, que é o responsável da entidade pela política de Redes Sindicais. Ele fez um relato sobre as Redes já estruturadas na categoria e os desafios para a sua implantação.

Na abertura da reunião, o presidente da Confederação, Paulo Cayres, destacou que a organização dos metalúrgicos em redes sindicais é uma das políticas mais importantes da entidade. “As Redes Sindicais são um instrumento importante da nossa luta pelo Contrato Coletivo Nacional de Trabalho”, assinalou o presidente da CNM/CUT, lembrando que trabalhadores de plantas diferentes de uma mesma empresa, embora tenham a mesma qualificação, têm salários e direitos diferentes. Por isso, reforçou o sindicalista, as Redes são fundamentais para a luta contra a desigualdade.

Já o secretário geral e de Relações Internacionais, João Cayres, reforçou o papel das redes sindicais para a troca de informações, o apoio e a solidariedade às lutas locais e o reforço que esses instrumentos de organização podem dar também às negociações que os sindicatos fazem em suas bases. “Conquistas de uma base sindical servem de referência para outras que abrigam plantas de uma mesma empresa ou fábricas do mesmo segmento industrial”, completou.

Setor siderúrgico e Usiminas
Para subsidiar o debate dos participantes, os técnicos das Subseções do Dieese da CNM/CUT e do Sindicato dos Metalúrgicos de Taubaté, André Cardoso e Igor Pinheiro, apresentaram indicadores sobre o setor siderúrgico e a Usiminas.

De acordo com eles, o setor siderúrgico e de metalurgia tem 761.629 trabalhadores no país. Nesse segmento, há a terceira maior rotatividade de mão de obra, na ordem de 46,5% (os com maior rotatividade são os setores de máquinas e equipamentos, com 62,3%, e o naval, com 51,8%).

Já a Usiminas é a segunda maior produtora de aço do país, com 20,73% do total. A primeira é a Gerdau, responsável por 23,7% da produção.

Segurança
Durante o evento, os metalúrgicos das quatro plantas da Usiminas trocaram informações sobre negociações, relação com a empresa, a atuação sindical, acidentes de trabalho, entre outros assuntos.

A luta por condições seguras de trabalho nas unidades da empresa é uma das principais travadas em todas as bases. Os representantes de Ipatinga lembraram que só em 2013, três metalúrgicos morreram em acidentes de trabalho na unidade da siderúrgica da cidade.

Ao final do encontro, os participantes decidiram encaminhar a criação da Rede Sindical dos Trabalhadores na Usiminas e vão articular junto às direções das entidades de base os mecanismos de apoio a este novo instrumento de organização dos metalúrgicos.

Ao final desse processo, será realizado um novo encontro, a princípio marcado para fevereiro de 2015.

(Fonte: Solange do Espírito Santo - assessoria de imprensa da CNM/CUT)

 
Veja também
 
 
Ramais - SEDE STIMEPA
  • Telefone Principal: (51) 3371-9000
  • Saúde do Trabalhador - Ramal 9025
  • Cobrança - Ramal 9023 e 9028
  • Jurídico - Ramal 9029
  • Homologação - Ramal 9046
  • Secretaria Geral - Ramal 9026
  • Administrativo/Financeiro - Ramal 9018
 
Redes Sociais
 
 
Folha Metalúrgica
 
Assista
 
Escute
Escolha o áudio abaixo...

 
Boletim Eletrônico
Receba em seu e-mail o boletim eletrônico e informes do Sindicato

Não quero mais participar
 
Veja Também
 
 
O Sindicato
  Institucional
  História
  Diretoria
  Base do Sindicato
  Subsedes
  Aposentados
  Colônia de Férias
  Lazer
Serviços
  Benefícios para Associado
  Tesouraria
  Jurídico
  Homologação
  Médico
Convenções
  Metalurgia
  Reparação de Veículos
  Máquinas Agrícolas
Galerias
  Fotos
  Vídeos
  Escute
  Notícias
  Opinião do Sindicato
  Folha Metalúrgica
  Publicações
CNM  FTM RS  CUT
 
Stimepa - Sindicato dos Metalurgicos de Porto Alegre
Av. Francisco Trein, 116 - Cristo Redentor - CEP 91350-200
Telefone: (51) 3371.9000 - Porto Alegre - RS
 
Omega Tecnologia