Notícias
 
O Globo e Folha distorcem fala de Lula sobre defesa da Petrobras
Lula disse que governo Dilma deve defender a estatal com “unhas e dentes” e não se furtar do debate político incitado pela oposição
09/04/2014




Os sites da Folha de S. Paulo e O Globo distorceram, na tarde dessa terça-feira (8), a fala do ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT) a respeito da CPI da Petrobras sugerida pela oposição para investigar, prioritariamente, a compra da refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos. Em nota à imprensa, a assessoria de Lula disponibilizou o áudio da entrevista concedida a blogueiros pela manhã, alertando que ambos os veículos “alteraram a declaração do ex-presidente sobre o assunto, atribuindo a ele algo que não foi dito”.

Em sua homepage, a Folha manchetou “PT precisa ‘ir pra cima’ contra CPI da Petrobras, defende Lula”, e O Globo, por sua vez, cravou: "Lula pede reação de seu partido contra instalação da CPI: "O PT tem que ir para cima”. O áudio da entrevista de Lula comprova que, na verdade, o petista avalia que o governo Dilma deve defender a estatal com “unhas e dentes”, e não se furtar do debate político incitado pela oposição, seja ele qual for. Lula, inclusive, disse que se houver abertura de CPI, que seja com foco na Petrobras – defendeu, portanto, o modelo de investigação proposto pelo PSDB e aliados.

“Mais uma vez os interesses políticos estão fazendo com que, em época de eleição, a oposição que não tem bandeira, não tem programa e não tem voto, levante uma CPI. Eu nem acho que por conta de uma CPI você tem que fazer outra”, disse Lula em alusão à estratégia governista de tentar emplacar uma Comissão Parlamentar de Inquérito para apurar assuntos que respigam em gestões do PSB e PSDB, como o cartel dos trens paulistas.

“Se tem de fazer CPI da Petrobras, vamos fazer com fato determinado e acabou, porque essas pessoas nunca quiseram uma CPI para nada. Se você pegar em São Paulo, a quantidade de CPIs (apresentadas) nesses anos todos, nunca aconteceu nenhuma. Acho que, nesse aspecto, o PT tem que ir pra cima”, disse Lula.

Lula ainda lembrou que não é a primeira vez que a oposição tenta instaurar uma CPI sobre a Petrobras. “Em 2009 se levantou uma CPI, as pessoas foram prestar depoimentos. Esse caso de Pasadena já foi para o Tribunal de Contas, Senado, a Graça (Foster, presidente da estatal), já falou (ao Congresso), Sérgio Gabrielli (ex-presidente da Petrobras) já falou, e (o tema) voltou porque, possivelmente, algumas das pessoas que estão ansiosas para fazer a CPI são pessoas que trabalham com o enfraquecimento da Petrobras. Ficam dizendo que a Petrobras hoje vale pouco, mas é importante lembrar que se ela vale R$ 98 bilhões hoje, ela valia só R$ 15 bilhões no tempo do FHC”, pontuou.

Mensalão

Durante a entrevista, Lula abordou, talvez pela primeira vez em entrevista coletiva desde que deixou a Presidência, a Ação Penal 470, popularmente chamada de mensalão. Ele disse que o PT errou ao não combater as denúncias de maneira política, o que poderia ter imposto outro resultado ao julgamento, e ainda sustentou que espera que o governo Dilma não erre da mesma forma em relação à Petrobras.

“A CPI do Mensalão deixou marcas profundas nas entranhas do PT”, disse. E continuou: “Se o PT tivesse feito o debate político no momento que tinha de fazer, e não ter ficado esperando uma solução jurídica, possivelmente a história fosse outra. Não houve, da parte do PT, sabedoria para fazer enfrentamento político por causa das divergências internas. No fundo, a imprensa também construiu o resultado desse julgamento. O PT pagou o preço, sabe que essa marca será carregada por muito tempo, e sabe que a razão pela qual nós nascemos era para combater esses equívocos que muitas vezes o próprio PT comete.”

 


Fonte: http://jornalggn.com.br/ - Blog do Nassif

 
Veja também
 
 
Ramais - SEDE STIMEPA
  • Telefone Principal: (51) 3371-9000
  • Saúde do Trabalhador - Ramal 9025
  • Cobrança - Ramal 9023 e 9028
  • Jurídico - Ramal 9029
  • Homologação - Ramal 9046
  • Secretaria Geral - Ramal 9026
  • Administrativo/Financeiro - Ramal 9018
 
Redes Sociais
 
 
Folha Metalúrgica
 
Assista
 
Escute
Escolha o áudio abaixo...

 
Boletim Eletrônico
Receba em seu e-mail o boletim eletrônico e informes do Sindicato

Não quero mais participar
 
Veja Também
 
 
O Sindicato
  Institucional
  História
  Diretoria
  Base do Sindicato
  Subsedes
  Aposentados
  Colônia de Férias
  Lazer
Serviços
  Benefícios para Associado
  Tesouraria
  Jurídico
  Homologação
  Médico
Convenções
  Metalurgia
  Reparação de Veículos
  Máquinas Agrícolas
Galerias
  Fotos
  Vídeos
  Escute
  Notícias
  Opinião do Sindicato
  Folha Metalúrgica
  Publicações
CNM  FTM RS  CUT
 
Stimepa - Sindicato dos Metalurgicos de Porto Alegre
Av. Francisco Trein, 116 - Cristo Redentor - CEP 91350-200
Telefone: (51) 3371.9000 - Porto Alegre - RS
 
Omega Tecnologia