Notícias
 
Metade da população apoia a Copa no Brasil, diz pesquisa
A outra metade dos entrevistados é contrária ou indiferente em relação ao Mundial
24/02/2014




Metade da população brasileira é favorável à realização da Copa do Mundo no país. É o que revela a pesquisa Vox Populi / CartaCapital realizada entre os dias 13 e 15 de fevereiro.

O levantamento apontou que 50% é a favor do evento e outros 39%, contra. Para 11%, a Copa é indiferente. A margem de erro é de 2,1 pontos percentuais, para mais ou para menos.

O resultado contrasta com a pesquisa divulgada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT), na terça-feira 18, segundo a qual 75,8% dos entrevistados acham desnecessários os investimentos no Mundial. De acordo com o levantamento, 80,2% dos brasileiros são contra o volume de recursos injetado na construção e reforma de estádios. Para eles, o dinheiro público poderia ter sido investido em áreas mais importantes para o País. Já 17,6% são favoráveis às despesas em estádios. Eles dizem acreditar que s obras vão contribuir com o desenvolvimento do esporte nacional.

A maioria dos entrevistados se diz contrária ao Brasil como sede da Copa de 2014: 50,7%, de acordo com a CNT.

Segundo o Vox Populi, a região onde há maior apoio é o Nordeste: 67%. No Sul apenas 35% da população se diz favorável ao Mundial no Brasil, enquanto 49% se declaram contra.

Quanto menor a cidade, maior o apoio aos jogos. Nos pequenos municípios, 55% da população é favorável ao evento. Nas capitais, o índice é de 50%, contra 43% das regiões metropolitanas e 41% das cidades grandes. Na zona rural, o apoio é de 62%. Ao todo, serão 12 cidades-sede, todas capitais: Porto Alegre, Curitiba, São Paulo, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Cuiabá, Natal, Fortaleza, Recife, Salvador, Manaus e Salvador.

Entre os homens, 53% querem a Copa, contra 47% das mulheres.

Quanto maior a renda e a escolaridade, menor o apoio ao Mundial. Entre os que estudaram até o ensino fundamental, 53% são favoráveis. O índice cai para 48% entre quem estudou até o ensino médio e a 43% entre quem tem ensino superior.

A maioria (56%) dos que recebem até dois salários mínimos apoiam o evento, mas o índice cai para 45% entre os que ganham mais de cinco salários.
Para este levantamento, o instituto ouviu 2.201 pessoas em 161 municípios.

 

Fonte: Carta Capital

 
Veja também
 
 
Ramais - SEDE STIMEPA
  • Telefone Principal: (51) 3371-9000
  • Saúde do Trabalhador - Ramal 9025
  • Cobrança - Ramal 9023 e 9028
  • Jurídico - Ramal 9029
  • Homologação - Ramal 9046
  • Secretaria Geral - Ramal 9026
  • Administrativo/Financeiro - Ramal 9018
 
Redes Sociais
 
 
Folha Metalúrgica
 
Assista
 
Escute
Escolha o áudio abaixo...

 
Boletim Eletrônico
Receba em seu e-mail o boletim eletrônico e informes do Sindicato

Não quero mais participar
 
Veja Também
 
 
O Sindicato
  Institucional
  História
  Diretoria
  Base do Sindicato
  Subsedes
  Aposentados
  Colônia de Férias
  Lazer
Serviços
  Benefícios para Associado
  Tesouraria
  Jurídico
  Homologação
  Médico
Convenções
  Metalurgia
  Reparação de Veículos
  Máquinas Agrícolas
Galerias
  Fotos
  Vídeos
  Escute
  Notícias
  Opinião do Sindicato
  Folha Metalúrgica
  Publicações
CNM  FTM RS  CUT
 
Stimepa - Sindicato dos Metalurgicos de Porto Alegre
Av. Francisco Trein, 116 - Cristo Redentor - CEP 91350-200
Telefone: (51) 3371.9000 - Porto Alegre - RS
 
Omega Tecnologia